Um mundo de aventuras, aonde o céu é o começo e não o limite. Bem vindo as Origens do Neoverpower.


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

2ª Crônica de Val.Handras: Confronto em Terra Esquecida

Ir à página : 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 7]

Meister Aoro

avatar
Administração OP
Administração OP
O sol iluminava a terra com seu calor agraciado. Muitos teriam dito que são bons tempos e que estava diante de um resplandecer do sol magnifico de verão. Mas não era verão e o sol que iluminava aquela terra em nada lhe dava beleza. As arvores eram putridas, a terra era cinzenta e os vários riachos e rios que encontravam pelo caminho estavam com a água contaminada ou lodenta.

Arkarina podia ver com clareza inumeros seres espalhados por aquela floresta medonha e sombria, ressaltada ainda mais pelo sol do meio dia que estavam sobre eles. A sela feita para poderem viajar nas costas de Valandil era incomoda, improvisada para ser mais preciso, porém fora necessário para poderem chegar aonde estavam: a Terra Pantanosa de Urok Turok. Como ela tinha o diário e as coordenadas ela ia na frente guiando o draconiano.

Mais atrás estava Kirin, a sensação de ficar tão longe do chão chegava a ser enjoativa para um lobo como ele, querendo ou não ele era filho da terra, abençoado com o fogo e ficar nas alturas não era bem o plano de viagem que poderiam ter. Arkarina liderava o draconiano e ele com sua visão e faro podia ver e ter mais segurança cm o que tinham que encarar. saber que estavam em território Orc atrás de uma missão de seu mestre era desafiador. Não tardou para ele ver ao longe uma construção fortificada e abandonada, coberta por altas árvores.

Rashi estava de pé, presa ao cinto corporal de Valandil, mas se segurando com o pé apoiado em sua pata dianteira, ela tinha sua lança apontada para baixo e a sensação de voar no céu era sem sombra de dúvida algo que Roben teria gostado e improvisado alguma musica para o momento. Se ela fechasse o olho esquerdo, cujo tinha o dragão a frente, ela teria uma visão de que ela mesma estava voando! Estavam em território antigo e abandonado. Na outra pata estava Arthuria. A amazona deixou para trás seu cavalo fiel para viajar em voo. Seria uma missão desafiadora nas terras de Urok Turok, aonde selvagens bárbaros e orcs lutavam incansavelmente por comida e dominio de terra, ou só por força mesmo. O exército já havia enviado ela para caçar um criminoso nestas terras e foi desafiador, sua fama de donzela sanguinária ajudou em parte, mas com Orcs foi diferente, eles queriam enfrenta a humana mais temida do exército.
===========================================================

Arkarina Kellers

Iliyarashki - Rashi

Kirin Arkantus

Valandil Tinehtelë

Arthuria Behemont




Todos ganharam +1 ponto de personagem
===========================================================
F 0 H 0 R 0 A 0 Pdf 0[/color] 20/10



Última edição por Meister Aoro em Seg 23 Mar 2015 - 20:35, editado 1 vez(es)

Ver perfil do usuário http://overpower.ativoforum.com

Pem Bymy

avatar
Administração OP
Administração OP
Arkarina se esforçava para segurar firmemente no gigantesco pescoço de Valandill, ao mesmo tempo que alternava o olhar entre o diário e o local onde estavam. Involuntariamente fora escolhida como guia, mas era graças ao mestiço que conseguiram chegar em pouco tempo.

Sua memória do local vinha à tona enquanto se aproximavam do destino. Eles voavam velozes e o som do vento era alto. Por isso, a conjuradora precisou quase gritar para se fazer ouvir acima do barulho

- Estamos perto!! Procure algum lugar para pousar, vamos descer!!!


_________________



Adeus, chefinho. Beijos gelados, não me liga.
Ver perfil do usuário

kamui

avatar
Level .3
Level .3






Já estava voando ha algumas horas e fazia algum tempo que estava além de seus limites, mas não desistiria e não mostraria fraqueza alguma, nunca havia levado tanta carga consigo durante tanto tempo... Ele estava encarando aquilo como um treino, tanto fisico como mental...
E pensar que antes ele nem cogitaria algo assim, mesmo que para ajudar alguém, nem mesmo se vidas estivessem em perigo, mas algo estava diferente dentro dele, podia sentir suas forças se expandindo pegando reservas que nem sabia que existiam, aprendeu a tirar força de outras coisas além da própria raiva, seu semblante não era mais ameaçador mas sim austero... A linhagem dos altos elfos respondiam ao seu chamado... o poder fluia de dentro de seu coração...


- Estamos perto!! Procure algum lugar para pousar, vamos descer!!!

Valandill não esperou um segundo aviso e nem deu qualquer aviso também, desceu em um rasante rápido a toda velocidade em direção há campina mais próxima para que assim não os vissem aterrissar parando efetivamente há poucos metros do chão...

Enfim chegamos... Agora o cuidado deve ser maior...


Voltando rapidamente a forma de Valandil e retirando a cela verificou se os outros estavam bem, sua forma draconiana ainda o deixava um pouco imaturo, talvez inconsequente seria a palavra certa...


Ver perfil do usuário

Alicia Han

avatar
Administração GM
Administração GM
Assim que o dragão pousou, Arthuria colocou um joelho no chão e tocou o solo com sua mão, após ter certeza de que seu corpo estava firme ela se levantou e olhou ao redor, ajeitando sua espada na cintura e se afastando a passos lentos do dragão ela olhou a paisagem. Urok Turok.

"Os Orcs já tem conhecimento de minha existência... Minha fama precedem meus passos. .. Devo ficar alerta"

Se voltando para o grupo ela comentou em voz fria e determinada, comum de uma soldado como a sua postura já conhecida.

- Para onde devemos ir? neste mapa especifica alguma posição ou pista?"


_________________


Ver perfil do usuário

Meister Aoro

avatar
Administração OP
Administração OP
Assim que pousaram o grupo se viou diante de uma constatação intrigante. A planície em que Valandil havia pousado tinha a grama rasteira, cinzenta de uma terrra pantanosa, mas estava bem seco, provavelmente por causa do sol. Não havia um caminho propriamente dito, porém podiam notar um acidente na mata que levava em direção a um amontoado de escombros e arvores: eram vestigios de uma construção.

No diário de Arkarina aquele lugar indicava tecnicamente uma grande praça, não precisava ser um especialista para que todos entendessem que abaixo daquela grama cinzenta e terra delodo seco havia um piso vasto de pedras segmentadas. Segundo os registros de Shion o lugar já foi um reino, um reino que em uma noite foi engolido pelas chamas e devastado pelos Orcs em um ataque de oportunidade. A memória de Arkarina, Kirin e Rashi vieram a tona da lembrança de um ser:

Girugameshi.

Girugameshi tinha relação com esta terra, mas infelizmente descobriram tarde demais e isso custou a vida de Roben e a lidertação do Dragão Negro. Mas as lembranças teriam que ser revistas depois. Pois para a surpresa deles a chegada de Valandil não afastou as criaturas com sua forma draconiana, mas sim atraiu para eles os inimigos!  Valandil e Arthuria estavam mais a frente, sendo a linha ofensiva para aquelas criaturas grotescas e putrefas que se levantaram do chão! Rompendo o concreto e raizes e se fazendo marchar na direção deles. Eram soldados, soldados mortos vivos, trajando armaduras cinzentas e quebradiças, com seus ossos a mostra, e logo atrás delas havia um ser horrendo, lembrava um imenso cão, mas com o corpo todo decomposto e no lugar da cabeça havia uma cabela humana gigantesca! Esta ria guturalmente e em seguida vomitava de dentro dela outro soldado morto vivo. Rashi e Kirin estavam logo ladeando Arkarina, eles viam estas coisas horriveis se aproximando lentamente, eram ao todo 4 soldados caveira e para a surpresa das conjuradoras estava um Propagador Uivante! Um monstro lamia das terras de Nocturnia, conhecido por ser capaz de vomitar os mortos direto do inferno para a terra!

Protegido pela mata, oculto em meio as ruinas do que poderia ter sido uma casa ou casarão, Christopher Rhapsody observava aquele estranho e facinante grupo se preparando para o combate. Ele estava em uma jornada de peregrinação para propagar o bem e ajudar os oprimidos e doentes, mas sua jornada para o reino de jothurgard fora interrompida e o grupo a qual ele fazia parte fora diziamdo de surpresa por aquele monstro. seus estudos não foramem vão, se tratava do propagador uivante que tinha o poder de vomitar os mortos na terra. um verdadeiro terror dos reinos de Nocturnia, mas vagando pelas terras no extremo oeste. A chegada do dragao havia o assustado, dragões significam morte certa, mas este se tornou humano e agora estava com os demais. De onde estava tinha uma base do que poderia acontecer: ou o grupo recem chegado ignorasse os soldados e matava o propagador, ou logo teriam uma verdadeira horda de mortos esqueletos bem ali. Ele podia agir se quizesse. Esta era a hora:se ocultar até o fim da batalha ou auxiliá-los.
===========================================================

Arkarina Kellers

Iliyarashki - Rashi

Kirin Arkantus

Valandil Tinehtelë

Arthuria Behemont

Christopher Rhapsody



===========================================================
Propagador Uivante - F 4 H 1 R 4 A 4 Pdf 0 20/20


Soldados Profanados - F 2 H 2 R 2 A 2 Pdf 0 10/10

Soldados Profanados - F 2 H 2 R 2 A 2 Pdf 0 10/10

Soldados Profanados - F 2 H 2 R 2 A 2 Pdf 0 10/10

Soldados Profanados - F 2 H 2 R 2 A 2 Pdf 0 10/10

Ver perfil do usuário http://overpower.ativoforum.com

Pem Bymy

avatar
Administração OP
Administração OP
Arkarina desceu do dragão em um salto, sentindo-se aliviada por estar de volta ao chão. Descobrira que não gostava muito de voar. Mal necessário, ela pensou, e logo deixou para trás.
A pergunta de Arthuria chegou aos ouvidos da conjuradora quase que ao longe, pois neste instante suas memórias voltava à tona. Ela precisou respirar fundo para conter uma chama de raiva, angústia e frustração: Girugameshi. Esse homem havia sido um problema, tão grande como seu antigo desafeto da escola de magia, Arkamenon.

Um tanto para desviar os pensamentos do passado, ela abriu o diário de Shion para procurar informações. Porém, mal começou a ler, percebeu a chegada das criaturas. Dando um passo para trás, guardou o diário e se colocou em posição. Analisando os adversários, percebeu logo qual estava causando problemas. Decidiu agir rápido:

- Kirin, Rashi, Valandil!! Cuidem dos soldados! Arthuria, atenção naquele! - apontou para o Profanador, que vomitava os outros - Venha comigo!!

E, como um sinal para que a soldado a seguisse, Arkarina desviou do soldado mais próximo para ter um bom ângulo e esticou o braço para o Profanador, lançando de sua magia de ataque diretamente para ele

----

-- 3 mp's


_________________



Adeus, chefinho. Beijos gelados, não me liga.
Ver perfil do usuário

Genesis OP

avatar
Administração OP
Administração OP
O membro 'Pem Bymy' realizou a seguinte ação: Lançar dados

'OverDice 6' :

Resultado :

Ver perfil do usuário

kamui

avatar
Level .3
Level .3


Mesmo que quisesse não poderia resistir já tinha sentido a presença do propagador e já tinha decidido que ela seria sua presa e que meros esqueletos não satisfariam seu desejo por uma boa luta, Por mais que não sentisse a fúria da batalha ainda sentia o desejo de ser o mais forte, aprendera muito na ultima luta, talvez não o suficiente mas aparentemente o bastante...
Prevendo que a maga atacaria primeiro decidiu usar esta brecha também para atacar,fazendo com que a magia soltada por ela lhe servisse como um corta luz, atacando logo em seguida do ataque de Arkarina, tentaria cortar o mais limpo possivel, ficou em postura e após o clarão fez a sua mágica:

Dragonbreath Apresentava agora um brilho avermelhado ele começava a desenvolver sua nova técnica o equilibrio entre a velocidade e a força, era apenas a teoria, agora empregava-a na prática... Afinal ainda era muito cru em batalha aquela ainda era sua 3° Batalha real de vida e morte.

Usou de sua agilidade para pular por cima dos esqueletos e desferir um ataque em diagonal de cima para baixo na propagadora e conforme ia em direção ao chão, usando a força empunhada na espada para amortecer sua queda e pisando no chão suavemente, dando outro impulso rapido, antes mesmo de a espada terminar seu corte, se jogando para traz na mesma direção em que tinha vindo...Seu objetivo era que quase ninguém visse o que aconteceu nem mesmo a Propagadora


Obs: Gastei 1 Pm para usar a habilidade aumentar +3 na FA
Obs1: Gastei 1 Pm para usar aceleração



Ver perfil do usuário

Genesis OP

avatar
Administração OP
Administração OP
O membro 'kamui' realizou a seguinte ação: Lançar dados

'OverDice 6' :

Resultado :

Ver perfil do usuário

Alicia Han

avatar
Administração GM
Administração GM
A imagem daquele campo desolado, daquela terra distante e que para ela não era uma novidade fez com que sua mente voltasse a anos atrás. O cheiro de sangue e fuligem, o som de gritos agonizantes, furiosos ou em clamor por ajuda ecoavam em sua mente. Ela já não estava mais com os companheiros de viagem, ela se encontrava no campo de batalha contra uma grande tropa Orc. Seus soldados haviam caido, seus generais haviam fugido e ela ainda continuava na linha de frente. Seu longo vestido seguimentado com placas de metal estava trincado e ensanguentado, vários cortes em seu corpo deixavam fluir para fra o seu sangue maculado de Behemont e diante dela o general Orc gritava "A donzela sangrenta será minha!"

O grito de Arkarina fez com que Arthuria voltasse a si e rapidamente sacando sua espada ela correu em direção ao Profanador. Como um veloz raio tendo sua espada longa estendida para o lado, Arthuria valsava entre os mortos vivos até alcançar o Profanador. As magias de sua companheira foram laçadas com grande poder, como que reforçada por algo a mais naquele momento. Mas ela agora estava mergulhada no clamor da batalha, com olhos sangrentos e assassinos que fariam até o mais corajoso Orc temer, como ela já fizera muitos temerem.

A donzela sangrenta voltava a dançar a valsa da morte mais uma vez. Com um salto, pasando por cima da magia da Arkarina, Arthuria desfere um poderoso golpe de cima para baixo, usando sua técnica mortal para dar cabo daquela criatura perigosa, antes que esta criasse um exército do submundo.


- Valsa Sangrenta!


Ps. Usando 1 MP para ataque especial


_________________


Ver perfil do usuário

Genesis OP

avatar
Administração OP
Administração OP
O membro 'Alicia Han' realizou a seguinte ação: Lançar dados

'OverDice 6' :

Resultado :

Ver perfil do usuário

Vaskes

avatar
Level .3
Level .3
O garoto ainda tentava processar tudo o que estava acontecendo, aquele dragão se transformando, aquele Profanador naquela região, seu grupo ter sido pego durante sua peregrinação.
Ele ja havia sofrido o ataque da horrenda criatura, e ao que parece aquele grupo que acabara de chegar naquele estranho dragão eram pessoas habilidosas, pelo menos eram o que suas aparências mostravam. Por mais que ele quisesse permanecer seguro, ele não podia deixar que mais pessoas fossem feridas, seus punhos e dentes estavam cerrados, ele então sai de seu esconderijo empunhando seu cajado na mão esquerda, e com a direita ele aponta em direção às criaturas enquanto chega cada vez mais perto, murmurando e concentrando energia ao redor de todo o campo, a criatura era forte, mas com muita sorte ele conseguiria auxiliar os aventureiros desconhecidos e prosseguir com sua viagem em segurança.

"- Exorcizamus te, omnis immundus spiritus, nvocato a nobis sancto et terribile nomine. Quem inferi tremunt… Ab insidis diaboli, libera nos, domine. Ut ecclesiam tuam secura tibi facias, libertate servire, te rogamus, audi nos."

----
Gastos 4 Mp's, Um para cada soldado profano invocado a ser exorcizado.

Ver perfil do usuário

Meister Aoro

avatar
Administração OP
Administração OP
A batalha começara. A primeira na nova terra.

Arkarina lançou seu Ataque Mágico, visando a imensa criatura profana que trinha como inimiga. seu ataque, como esperado, foi certeiro e impediu que a mesma vomitasse mais um morto vivo e aumentasse a cota de inimigos para o grupo. O mais estranho para ela foi que sua magia teve um reforço a mais. Mas não haveria tempo para analisar o reforço extra que seu ataque recebera, porque agora Arthuria atacavam. OU assim parecia pois estranhamente após seu ataque magico um som metalico se fez, um corte surgiu na criatura profana e fez esta cabalear para o lado.

[ Dano 6 +4 ] - [Defesa Profanador: 5][ Dano Total: 5 ] - Causado por Arkarina

Valandil acertara em cheio seu oponente, o dano mágico de Arkarina havia sido emitido com verdadeira força, parecia até que tinha sido reforçado pela energia profana daquela região. De qualquer forma seu ataque causara um bom dano na criatura que, para sua surpresa, havia se virado contra ele com a boca aberta pronta para devorá-lo. Uma ação de reflexo da criatura, mas ele rapidamente se safara, voltando ao ponto principal e aparente não notado tal ação pelos demais.

[ Dano 9 +0 ] - [Defesa Profanador: 5][ Dano Total: 4 ] - Causado por Valandil

Arthuria Behemont, aquela a qual abatera o dragão chamas do Pecador, havia entrado em combate, com um slatar veloz, passando pela magia de Arkarina, que observava aquela cena acontecer com impressionante rapidez e furor, assim como ocorrera contra Valandil, a soldado Minoriahna atacou a fera com força, derrubando a criatura enorme com seu golpe e desarmando um possivel contra ataque da mesma. Infelizmente a fera era poderosa e perigosa e após seus ataque a mesma, ainda caida no chão, revelou ter em suas costas a coluna cervical totalmente exposta como uma cauda, cauda que logo se desfribilou e atacou a soldado como um chicote serra.

[ Dano 8+0 ] - [Defesa Arthuria: 4][ Dano Total: 4 ] - Causado em Arthuria

Movida pelas lembranças de seu passado sangrento, com o exército Minoriano, Arthuria brandiu sua espada com velocidade, passando pelos quatro mortos vivos como se ela mesma fosse um fantasma. seu ataque foi poderoso, mas o contra ataque que se seguiu foi forte e inevitavel. O Propagador era perigoso não só pela capacidade de gerar mortos, ele era capaz de contra atacar com velocidade seus inimigos. Ela foi jogada para trás, sua armadura aguentou o impacto e reduziu muito a ferida que seria feita. Mas agora eles tinham um problema, os quatro mortos vivos que os sercavam.

Problema que, para a surpresa deles, veio com soluçao. um jovem, surgindo de um esconderijo na mata correu em direção a eles e ao entoar seu canto misterioso e revigorante, gerou um forte pulso de purificação, queimando as criaturas que agonizaram ferozes e caiam em terra. O propagador logo se preparava para se levantar, a batalha estava longe de terminar. Christopher havia agido em pro daqueles aventureiros, seu poder sagrado: Esconjuro de Mortos, havia sido lançado com perfeição, digno de seu nome, mas para sua surpresa aqueles esqueletos não eram espiritos, eram corpos de mortos vivos reais, logo o esconjuro causara apenas a queimadura externa das criaturas. O Propagador estava para se levantar, a batalha estava longe de terminar.
===========================================================

Arkarina Kellers

Iliyarashki - Rashi

Kirin Arkantus

Valandil Tinehtelë

Arthuria Behemont

Christopher Rhapsody



===========================================================
Propagador Uivante - F 4 H 1 R 4 A 4 Pdf 0 20/20


Soldados Profanados - F 2 H 2 R 2 A 2 Pdf 0 10/10

Soldados Profanados - F 2 H 2 R 2 A 2 Pdf 0 10/10

Soldados Profanados - F 2 H 2 R 2 A 2 Pdf 0 10/10

Soldados Profanados - F 2 H 2 R 2 A 2 Pdf 0 10/10

Ver perfil do usuário http://overpower.ativoforum.com

Alicia Han

avatar
Administração GM
Administração GM
Arthuria foi jogada para trás, mas graças a sua experiência em combate, ela se fez firme e deixu um rasgo no chão com seus pés, mantendo o equilibrio e brandindo sua espada para o lado a fim de se equilibrar ainda mais e não cair. Respirando fundo, contendo a dor no peito, ela rapidamente avançou mais uma vez, se valendo da criatura caida no chão ela salta sobre a fera e caindo de ponta cabeça ela estende sua espada em direção a criatura em uma estocada, aproveitando sua força mais a força da gravidade. dando mais uma vez seu ataque mais poderoso.

- Valsa Sangrenta!!!

Com este ataque ela acerta a criatura e se joga com a força de seu pulso a segurar sua espada, se jogando para longe da do monstro.


_________________


Ver perfil do usuário

Genesis OP

avatar
Administração OP
Administração OP
O membro 'Alicia Han' realizou a seguinte ação: Lançar dados

'OverDice 6' :

Resultado :

Ver perfil do usuário

Pem Bymy

avatar
Administração OP
Administração OP
Arkarina ficou um tanto impressionada com o resultado de seu ataque. Claro que esperava um golpe efetivo, mas tinha algo diferente naquilo. Não conseguiu conter um leve sorriso orgulhoso e com uma pitada de sadismo no canto dos lábios.
Normalmente teria ficado irritada pelo fato de seu comando ter sido ignorado, mas aquela estranha sensação acabou se sobrepondo em sua mente.

Porém, mal teve tempo de pensar quando, logo após o ataque combinado dos três, um homem apareceu no local e dizendo palavras entranhas... Aquilo era Latim? A conjuradora havia estudado a língua durante o tempo na academia, mas desconhecia aquele uso estranho. Que magia era aquela?

Percebendo que ele parecia estar direcionando o ataque aos soldados demoníacos, Arkarina voltou a atenção ao adversário. Será que conseguiria outra daquelas façanhas?

Direcionando ambas as mão para a frente, aguardou o segundo golpe de Arthuria e soltou novamente o seu raio negro no Propagador Uivante

---------

-- 2pm's


_________________



Adeus, chefinho. Beijos gelados, não me liga.
Ver perfil do usuário

Genesis OP

avatar
Administração OP
Administração OP
O membro 'Pem Bymy' realizou a seguinte ação: Lançar dados

'OverDice 6' :

Resultado :

Ver perfil do usuário

Vaskes

avatar
Level .3
Level .3
Um sorriso gentil embebido em mansidão surge no rosto de Christopher enquanto os soldados conjurados agonizavam no chão, efeito de seu exorcismo, foi a técnica mais rápida, de maior alcance e maior efeito que ele conseguira conjurar para evitar o ataque dos mesmo.

"- Um pouco desorganizados - Pensou o garoto à respeito dos aventureiros - Mas ainda assim são muito bons, o foco deles continua sendo o propagador, que de fato é o maior problema, mas não é o único."

Observando os próximos ataques, o garoto percebeu que os guerreiros estavam distraídos com o Propagador Uivante, os golpes deles eram certeiros e focados, mas se eles fossem descuidados, poderiam ser pegos pelos soldados que a criatura havia invocado, sua decisão continuava a mesma, assegurar que os aventureiros desconhecidos não fossem vitimas das criaturas assim como seu grupo foi. Sabendo que seu proximo movimento talvez não fosse o suficiente para parar as criaturas, pelo menos ele conseguiria tempo para que derrotassem o Profanador sem que sofressem maiores danos pelas criaturas menores.

Ele então crava seu cajado em uma pequena fenda no chão abre os braços e citando algumas palavras invoca uma energia branca que vai tomando forma e se divide em quatro.

- Clamabitis præ tui virtutem, invocas lux caelis mucrone et tenebat lanceam radii!!!

A energia tem sua forma alterada para quatro lanças brancas envolta em energia semelhante à eletricidade, a magia tinha seu limite de conjuração quase alcançado pelo número de armas criadas, com o movimento de seus braços apontando para os soldados profanados as lanças se voltam para eles e são atiradas.

---
4 Mp's (Um para cada lança invocada)

Ver perfil do usuário

Genesis OP

avatar
Administração OP
Administração OP
O membro 'Vaskes' realizou a seguinte ação: Lançar dados

'OverDice 6' :

Resultado :

Ver perfil do usuário

Meister Aoro

avatar
Administração OP
Administração OP
A batalha começara. A primeira na nova terra.

A batalha parecia facilmente ganha. Arkarina, Kirin, Rashi e Arthuria, juntamente com Valandil, viram a chegada de um jovem com um poder mágico impressionante e com seu invocar de magia atingindo os soldados mortos vivos com extrema velocidade

[ Dano 7 +0 ] - [Defesa Mortos Vivos: 4][ Dano Total: 3 ] - Causado por Christopher

Christopher acabara de acertar os mortos vivos, mas sua magia não foi bem calculada e as criaturas ainda estavam de pé, mas antes que ele mesmo fosse atacado pelas criaturas profanas, os jovens que estavam naquele combate logo deram resposta a ofensiva. Rashi e kirin atacaram rapidamente os inimigos

[ Dano 8 +0 ] - [Defesa Mortos Vivos: 4][ Dano Total: 4 ] - Causado por Kirin
[ Dano 8 +0 ] - [Defesa Mortos Vivos: 4][ Dano Total: 4 ] - Causado por Rashi

Dois mortos vivos foram derrubados, sobrando outros dois que logo atacaram Arkarina e Valandil, que estavam na linha intermediária de combate.

[ Dano 7+0 ] - [Defesa Arkarina: 4][ Dano Total: 3 ] - Causado em Arkarina
[ Dano 7+0 ] - [Defesa Valandill: 3][ Dano Total: 4 ] - Causado em Valandill

Na linha de frente de combate Arthuria desferiu seu ataque contra a criatura, mas antes que sua espada pudesse atingir a mesma esta se revelou mais rapida que sua espada e abrindo sua boca cuspiu contra a guerreira um novo morto vivo que logo recebeu o ataque dela em cheio. O morto vivo foi partido ao meio e logo detrás dele veio o ataque do Propagador Profano, com uma forte chicotada de sua coluna serrilhada contra o peito de Arthuria, jogando-a longe da besta.

[ Dano 10+0 ] - [Defesa Arthuria: 4][ Dano Total: 6 ] - Causado em Arthuria

===========================================================

Arkarina Kellers

Iliyarashki - Rashi

Kirin Arkantus

Valandil Tinehtelë

Arthuria Behemont

Christopher Rhapsody



===========================================================
Propagador Uivante - F 4 H 1 R 4 A 4 Pdf 0 20/20


Soldados Profanados - F 2 H 2 R 2 A 2 Pdf 0 10/10

Soldados Profanados - F 2 H 2 R 2 A 2 Pdf 0 10/10

Soldados Profanados - F 2 H 2 R 2 A 2 Pdf 0 10/10

Soldados Profanados - F 2 H 2 R 2 A 2 Pdf 0 10/10



Última edição por Meister Aoro em Dom 21 Set 2014 - 18:33, editado 1 vez(es)

Ver perfil do usuário http://overpower.ativoforum.com

Vaskes

avatar
Level .3
Level .3
O garoto tinha falhado em atacar os alvos menores com alta eficiência, por outro lado, o Propagador se mostrava um inimigo de nivel alto, por mais que os guerreiros que o cercavam fossem experientes, estavam tendo trabalho com a criatura, por um momento ele se lembrou do ataque anterior que seu grupo havia sofrido, ele não podia deixar que tudo aquilo se repetisse. A armadura, o estilo de combate, tudo indicava que a amazona que lutava ferozmente contra a criatura mais perigosa dali fosse alguem muito conhecida, não por uma boa fama, isso tirou um som anasalado de Christopher, mas quando ela foi atacada ele sentiu que ela estava correndo um sério perigo, acima de todos os outros que estavam por ali também, e mesmo correndo o risco de ser o próximo alvo, ele sem pensar muito ignorou a presença dos Soldados e correu em direção à guerreira que fora jogada um pouco mais distante pelo ataque da besta.

"- interpelo deorum, et super omne, quod in potentia sanitas - Ele corria em direção à mulher enquanto conjurava uma magia branca ao redor dele concentrando seu poder mágico principalmente em sua mão direita, ao chegar na amazona ele toca suas costas e interpela as últimas palavras infundindo a magia no corpo dela a fim de curar seus ferimentos. - Vulnera Sanentur!!!"

A luz envolveu o corpo da mulher, ele sabia que talvez aquilo denunciasse quem ele era, afinal era uma marca de sua familia, mas o bem-estar dos guerreiros e a derrota do monstro eram prioridades, e ele simplesmente não se importou, ele apenas não poderia deixar que a criatura fizesse mais vitimas.

---

Gastos 2MP's Magia de Cura

Ver perfil do usuário

Genesis OP

avatar
Administração OP
Administração OP
O membro 'Vaskes' realizou a seguinte ação: Lançar dados

'OverDice 6' :

Resultado :

Ver perfil do usuário

kamui

avatar
Level .3
Level .3


Algo estava errado, as criaturas estavam ficando cada vez mais fortes e mais rápidas, ele não conseguira antecipar seus movimentos,e o ataque veio certeiro acertando a lateral do braço esquerdo, tentando reduzir minimamente os danos produzidos pelo ataque como aprendera com seu capitão em Minória, ele fora ferido por apenas um mero esqueleto, como era possivel?


-Você ficou fraco... Fraco... Patético... Sem mim não é nada deixe-me mostrar como se faz? Vamos?

Respirou fundo e se acalmou, ele estava no comando, o pecado estava subjugado e nada mudaria isso...

-Não me subestime, Maldito, você não é e nunca será páreo para mim... Desapareça!!!

De onde estava conseguia ter uma visão geral da batalha.
Vira a guerreira que o tinha derrotado também ser acertada e arremessada para longe,  era demais pra ele...


-Seu saco de ossos, esta na hora de aprender uma lição!!! Não tenho tempo para brincadeiras...

Mas antes que terminasse seu raciocinio outra figura aparecia atacando os esqueletos e se dirigia para Arthuria, sua mão brilhava como se estivesse preparando para atacar, a energia não parecia maligna mas tinha que ter certeza de que tipo de pessoa era que intenção tinha... Sentiu suas intenções e ficou mais tranquilo...

-Agora posso ir com tudo...

De onde estava percebeu que a propagadora tinha vantagem por conseguir premeditar o ataque de todos, então ele mudaria isso, ela teria que focar nele ou em seus companheiros, depois do primeiro ataque percebera que ele era mais rápido e tiraria proveito disso.

Moveu-se em diagonal com movimentos fluidos evitando os outros esqueletos e passando pela propagadora ficando atrás dela há uma distância de uma espada, Seu braço da espada se ergueu e la estava Dragonbreath a centimetros do peito do monstro, murmurando algumas palavras:


- "Elrohir Súrion"

A propria espada solta labaredas como a baforada de um dragão espalhando-se pelo campo de batalha em direção aos 3 inimigos restantes...




Obs: gasto 1 pm p/ telepatia em vaskes
Obs¹:Gasto 5 pm p/ Ataque mágico Hab +1d6 +3 na propagadora e +1 nos dois outros esqueletos
1) propagadora 2) outro esqueleto 3) outro esqueleto

Ver perfil do usuário

Genesis OP

avatar
Administração OP
Administração OP
O membro 'kamui' realizou a seguinte ação: Lançar dados

#1 'OverDice 6' :

#1 Resultado :


--------------------------------

#2 'OverDice 6' :

#2 Resultado :


--------------------------------

#3 'OverDice 6' :

#3 Resultado :

Ver perfil do usuário

Alicia Han

avatar
Administração GM
Administração GM
Ser atingida daquela forma, uma segunda vez, deixara ela sem reação, aquela criatura era pareo duro. Se erguendo do chão e brandindo sua espada mais uma vez ela corre em direção ao inimigo, mas surpreendentemente a dor que sentira estava desaparecendo e suas feridas se curando. O poder vinha de logo atrás dela e enquanto corria em direção ao propagador ela deu uma olhada para trás a fim de saber que a curava.

O jovem que havia chegado estava conjurando magia branca, curando-a de suas feridas!

Mas não haveria tempo para agradecer, logo que viu Arkarina conjurando um raio negro contra o monstro e Valandil lançando mais uma magia em sua ação, ela logo saltou e girando velozmente no ar desferiu um ataque de cima para baixo contra o propagador.

- Valsa Sangrenta!!!


_________________


Ver perfil do usuário

Conteúdo patrocinado


Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 7]

Ir à página : 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum